A PRODUÇÃO DO PPGEA-FURG E A POLUIÇÃO INDUSTRIAL NO ESTUÁRIO DA LAGOA DOS PATOS, RS

  • Wahington Ferreira UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina

Resumo

ResumoDesenvolveu-se a análise documental do conjunto das teses e dissertações do PPGEA - Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental da FURG (Universidade Federal do Rio Grande), ao longo de 20 anos, do ponto de vista de sua percepção, descrição ou discussão sobre a temática da Poluição Industrial na sua área geográfica de inserção, o Estuário da Lagoa dos Patos (RS, Brasil). O conjunto desta produção foi classificado em três grandes categorias, em relação ao tema de pesquisa: sem conexão com o mesmo; como subsídios para discussão; com aderência estrita ao tema. A categoria com aderência estrita ao tema foi reprocessada, através da análise textual discursiva, para detalhamento dos elementos emergentes na mesma. Discutem-se as prováveis causas e implicações destes resultados, especialmente da invisibilidade relativa do tema de pesquisa, e do fenômeno da negação e naturalização da poluição industrial neste conjunto. Também são discutidos os seus reflexos no papel do PPGEA, como “Centro de Referencia” em Educação Ambiental da instituição.Palavras-chave: educação ambiental, poluição industrial, correlações.

Referências

Referencias

BENITES, E. L. F. Poluição sonora urbana em Pelotas: uma análise do problema, com subsídios jurídicos, enfatizando a educação ambiental na construção da cidadania. Dissertação (Mestrado em Educação Ambiental). Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental, Universidade Federal do Rio Grande. Rio Grande, RS, 2004.

BEZERRA, A. B. B. et al. Políticas Públicas de Lazer em Rio Grande. In: SILVEIRA, T. T. et al. (Orgs.). Políticas Públicas de Esporte e Lazer na Cidade do Rio Grande. Rio Grande, RS: Salisgraf Editora e Gráfica Ltda, 2009, p. 09-31.

COSTA, L. B. A Cidade do Rio Grande ao Longo da Década de 1970: Desenvolvimento econômico, vigilância e repressão em Área de Segurança Nacional. In: SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 26, 2011. São Paulo. Anais... Associação Nacional dos Professores Universitários de História, 2011. 14 p.

ESTEVAM, B. S. História, Crítica e a Educação Ambiental sob o Prisma das Crônicas Ecológicas da Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural no Extremo Sul do Brasil (1978 – 81). Dissertação de Mestrado (PPG. Educação Ambiental). Rio Grande: FURG – Universidade Federal do Rio Grande, 2013.

FERREIRA, F. N. O Litoral (In) Visível - Villa Sequeira, Rio Grande (Século XIX-XX). In: COSTA, L. B.; FRIDERICHS, L. (Orgs.). Rio Grande Século XX: olhares históricos. Pelotas: Editora e Gráfica Universitária – UFPEL, 2012, p. 97-124.

FLICKINGER, H-G. A Caminho de uma Pedagogia Fermenêutica. Campinas, SP: Autores Associados, 2010. 200 p.

GORDON, R. A Assustadora História da Medicina. Tradução de Aulyde Soares Rodrigues. Rio de Janeiro: Pocket Ouro, 2008, 371p.

LE GOFF, J. História e Memória. Campinas: Ed. UNICAMP, 1994.

MALHADAS, Z. Z. et al. A Poluição Atmosférica das Grandes Cidades Enfocada através da Educação Ambiental. Revista Eletrônica do Mestrado em Educação Ambiental, Rio Grande: RS, v. 09, p. 57-66, jul./dez. 2002.

MARTINS, C. A. Á. Morar e Habitar em Áreas Portuárias na Cidade do Rio Grande, RS, Brasil. Scripta Nova, Barcelona, v. XIV, n. 331, 16 p., ago. 2010.

NÓBREGA, M. R. Entre os Padrões de Qualidade do Ar, a Fumaça...Um Olhar mais Próximo no Sentido de O Ser se Faz Olhar. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação Ambiental) – Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental, Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande, RS, 2006.

OLIVEIRA, F.P. O meio ambiente e o setor industrial: desafio para o desenvolvimento sustentável. Monografia de Especialização (Administração com ênfase em Marketing). Recife: UFRPE – Universidade Federal Rural de Pernambuco, 2002.

PRADO, D. P. Operariado e Meio Ambiente: um estudo sobre os trabalhadores da indústria de Rio Grande e sua percepção ambiental. 1999. Dissertação (Mestrado em Educação Ambiental) – Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental, Universidade Federal de Rio Grande, Rio Grande, RS, 1999.

RHEINGANTZ, C. G. Companhia União Fabril – Tecelagem Rheingantz. 16 nov. 2013. Disponível em: <http://familiarheingantz.blogspot.com.br> Acesso em: 28 fev. 2014.

SANTOS, A. L. B.; SILVA, G. N. Poluição Ambiental Local e o Papel da Educação Ambiental. Revista Científica de Educação à Distância, Santos: SP, dez. 2010.

SCHMIDT, B. B. A Diretora dos Espíritos da Classe: a “Sociedade União Operária” de Rio Grande (1893-1911). Cadernos AEL, v. 06, n. 10-11, p.148-170, 1999.

SILVA, K. V.; SILVA, M. H. Dicionário de Conceitos Históricos. São Paulo: Contexto, 2006. 439 p.

THEODOSIO, N. P. Jornal Agora: vozes e falas no Caso Bahamas, a Educação Ambiental e a construção da cidadania. 2002. Dissertação (Mestrado em Educação Ambiental) – Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental, Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande: RS. 2002.

Publicado
2015-04-30
Seção
Artigos