REFLEXÕES SOBRE MODA E SOCIEDADE EM TEMPOS DE CONSUMO ECOLÓGICO

  • Denise Ouriques Medeiros Universidade Federal de Santa Catarina
  • Richard Perassi Luiz de Sousa Universidade Federal de Santa Catarina

Resumo

A moda expressa como a pessoa sente-se como indivíduo e como quer ser percebida pelos outros. Na nova sociedade globalizada e tecnologicamente conectada, as pessoas podem pertencer a várias ‘tribos’ em diferentes momentos ou ao mesmo tempo. O movimento da compra é um trabalho de aculturação. Da escolha de objetos é que surgirá a identidade que o indivíduo permitirá ser exposta ao mundo. Mas, se por motivos financeiros, essa escolha não puder ser livre, existe a simulação: o caráter simbólico do objeto é o que vai contar. No entanto, com o novo paradigma ambiental e a influência do marketing, a sociedade ainda não encontrou seu caminho para a solução ética e ecológica. Enquanto isso, abrem-se outros caminhos, como o do arquiteto e designer Eugene Tsui, que aborda a moda baseando-se no biomimetismo para buscar a funcionalidade e a eficiência procuradas.Palavras-chave: Moda. Consumo. Ecologia.

Biografia do Autor

Denise Ouriques Medeiros, Universidade Federal de Santa Catarina
Arquiteta e urbanista, pesquisadora do SIGMO - Grupo de Significação da Marca, Informação e Comunicação Organizacional, mestranda do PosDesign/CCE/UFSC
Richard Perassi Luiz de Sousa, Universidade Federal de Santa Catarina
Professor doutor do PosDesign/CCE/UFSC, líder do SIGMO - Grupo de Significação da Marca, Informação e Comunicação Organizacional

Referências

BAUDRILLARD, Jean. Simulacros e simulação. Lisboa: Éditions Galilée, 1981. 201 p.

CLAVAL, Paul. A geografia cultural. 4ª edição revista. Florianópolis: Editora da UFSC, 2014. 406 p.

CUNHA E SILVA, Paulo. O lugar do corpo: elementos para uma cartografia fractal. Lisboa: Instituto Piaget, 1999. 233 p.

ENTWISTLE, Joanne. El cuerpo y la moda: uma visión sociológica. Barcelona: Paidós Contextos, 2002. 287 p.

LIPOVETSKY, Gilles. El império de lo efímero: la moda y su destino em las sociedades modernas. 5ª ed. Barcelona: Editorial Anagrama, 1996. 324 p.

MACNAB, Maggie. Design by nature: using universal forms and principles in design. Berkeley: New Riders, 2012. 313 p.

PAPANEK, Victor. The green imperative: ecology and ethics in design and architecture. London: Thames & Hudson, 1995.

PERASSI Luiz de Sousa, Richard. Do ponto ao pixel: sintaxe gráfica no videodigital. 1ª edição. Florianópolis: CCE/UFSC, 2015. 116 p.

SEVCENKO, Nicolau. A corrida para o século XXI: no loop da montanha-russa. São Paulo: Companhia das Letras, 2007. 140 p.

TSUI, Eugene. Evolutionary architecture: nature as a basis for design. Nova Jersey (EUA): Wiley, 1999. 360 p.

TSUI, Eugene. Website TDR – Tsui Design Research Inc. 2011. Extraído de e . Acessado em: 1º de junho de 2015.

Publicado
2016-07-18
Seção
Artigos